26 de Março de 2014

Quando recebemos dados, principalmente de consumidores, eles podem se enquadrar em duas categorias principais: implícitos e explícitos. Na análise do Big Data, saber diferenciá-los e conhecer a melhor forma de utilizar cada um é fundamental, principalmente para gerar boas previsões.
Os dados explícitos são aqueles em que o consumidor basicamente responde a uma pergunta. Eles podem ser obtidos através dos métodos de coleta de dados mais tradicionais, como pesquisas de opinião/ satisfação; ou por meio de resenhas publicadas na internet, formulários de sugestões preenchidos on e off-line, curtidas em uma postagem ou em um perfil de rede social ou blog.
Já os implícitos são aqueles gerados de forma espontânea pelo consumidor e que você pode coletar sem a anuência dele. Podem ser desde a compra de um produto, até um compartilhamento ou comentário de postagem em blogs ou redes sociais entre amigos.
Coletando estes dois tipos de dados, e interpretando-os em conjunto e com cuidado, é possível fazer boas previsões e ter um excelente conhecimento dos sentimentos do seu consumidor quanto à sua marca, ao seu produto ou a uma campanha específica. Assim, também é possível descobrir novas tendências e ter insights para novos nichos e negócios!
Preocupe-se em estimular a geração de dados explícitos a fim de ter uma boa base, e empenhe-se em coletar e analisar precisamente os dados implícitos! Seu negócio e seu consumidor só tem a ganhar!
Quer ver se você consegue distinguir estas categorias e aplica-las na análise? Faça o download gratuito do Tableau Desktop e descubra!

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER